POLÍCIA CIVIL FINALIZA INQUÉRITO E INDICIA TRÊS PESSOAS POR ASSOCIAÇÃO CRIMINOSA, ROUBO E ADULTERAÇÃO DE SINAL IDENTIFICADOR DE VEICULO




A Divisão de Investigação Criminal Blumenau encerrou investigação sobre um roubo ocorrido no dia 24/02/2020, em uma residência localizada na Rua Theodoro Passold, Bairro Fortaleza Alta. Na ocasião, dois indivíduos entraram na residência e anunciaram o assalto. Mediante grave ameaça exercida com emprego de arma de fogo, os indivíduos levaram um veículo VW Crossfox e […]

A Divisão de Investigação Criminal Blumenau encerrou investigação sobre um roubo ocorrido no dia 24/02/2020, em uma residência localizada na Rua Theodoro Passold, Bairro Fortaleza Alta. Na ocasião, dois indivíduos entraram na residência e anunciaram o assalto. Mediante grave ameaça exercida com emprego de arma de fogo, os indivíduos levaram um veículo VW Crossfox e diversos pertences pessoais de uma das vítimas, totalizando um prejuízo aproximado de R$ 46.000,00. Ressalta-se que os indivíduos contaram com o apoio de uma mulher, que ficou responsável por levá-los até o local e auxiliá-los na fuga após o crime. Para tanto, ela utilizou um Fiat Palio, o qual foi abandonado logo em seguida ao fato, sendo constatado que o automóvel estava com registro de roubo, bem como com a placa adulterada. Esse Palio foi furtado dias antes, após a vítima parar nas margens da Rua Pedro Zimmermann e ser rendido pelos agentes.

Durante as investigações, os dois assaltantes da residência no Bairro Fortaleza Alta, com 24 e 22 anos de idade, foram presos em flagrante após mais um roubo de veículo. Com a prisão, a Polícia Civil conseguiu comprovar a efetiva participação dos dois homens no roubo em residência, bem como no roubo do Fiat Palio. Também foi comprovado o envolvimento da esposa de um deles, que distraiu a vítima no roubo do Fiat Palio e auxiliou no transporte e fuga no roubo da residência. Em razão dos fatos, todos os três foram indiciados pelos roubos cometidos (residência e Fiat Palio), além do crime de adulteração de sinal identificador de veículo (placa) e associação criminosa. Destaca-se que na época dos fatos, os dois indivíduos estavam foragidos do sistema prisional, pois não retornaram da saída temporária de 07 dias, e num curto espaço de tempo cometeram, ao menos, 3 crimes patrimoniais. Os dois homens tiveram prisão decretada. A mulher, embora tenha sua participação comprovada nos crimes, entendeu-se não estar presente o requisito da prisão preventiva. Os mandados foram cumpridos na data de hoje.



via: Blog do Jaime